PAREDE DA QUARENTENA

2020. De repente nos vemos numa pandemia mundial!

Como lidamos com isso? Como enxergamos o presente? E o futuro?

Desde março de 2020 sem poder sair de casa, a artista urbana Simone Siss

cria o projeto #parededaquarentena . De dentro do seus ateliês em São Paulo e Atibaia, cria frases e poesias visuais usando suportes e materiais que se encontram ao seu redor, como muros, paredes, papel jornal, latas de tinta, instrumentos de construção e objetos domésticos.

Os registros fotográficos dessas obras inundam as redes sociais da artista, sempre com irreverência, subvertendo as convenções sociais e trazendo a arte como um exercício para lidarmos com nossos medos, anseios, esperanças…

O projeto tem recebido um significativo retorno de pessoas que seguem a artista e se identificam com esse universo pandêmico retratado nas frases. Em abril de 2021, o perfil da artista no Instagram (@simonesiss) completou mais de 10k seguidores.

Mais que uma expressão artística, o livro Parede da Quarentena que traz uma seleção das melhores frases, é uma tentativa de propor um questionamento: o que seria o normal?

20200726_021417
20200726_020832
20200726_020255
20200726_020400
20200726_020457
20200726_021531
20200726_021139
20200726_021628
Screenshot_20200726-022500
20200726_022753
20200726_021834
20200726_021736
20200726_023305
20200726_022024
20200726_021919
20200726_022127
20200726_023901